• Yuri Antonchuk Rodrigues

O Design por trás dos Dashboards

Atualizado: Jun 2




Já sentiram que algo está estranho em seu Dashboard? Ou o próprio cliente não gostou muito do resultado final? Nesse artigo vamos ver maneiras práticas de como melhorar o desenvolvimento de seu Dashboard para seu cliente ter a melhor experiência.


O mercado está peneirando os profissionais e só os melhores vão ficar. A falta de pessoas para trabalhar com design é gigante, simplesmente porque estacionaram com o conhecimento que possuem. Empresários querem profissionais que realmente mostrem o que sabem fazer e que mostrem na prática, mas para que isso aconteça temos que aprender e aplicar. E é na intenção de ajudar que esse artigo foi preparado.


Vamos ver cinco dicas que vão te ajudar na hora do desenvolvimento de seu Dashboard.


  • Mantenha a simplicidade;

  • Mantenha o foco;

  • Escolha com inteligência;

  • Use designs coerentes ao nicho;

  • Inspirações.


Mantenha a simplicidade


Pense na seguinte frase, "menos é mais", como ela pode nos ajudar a manter a simplicidade? Imagine uma cela onde tem 180 detentos, será que só porque tem 180 pessoas dentro dela é porque essa cela foi feita para essa quantidade de pessoas? Obviamente que não. É nesses momentos que a frase acima se aplica.


E aplicando esse exemplo no âmbito empresarial funciona da mesma forma. Mostre apenas o necessário, faça o necessário, não coloque o que não faz sentido ou o que não foi pedido, se não o que era para ser algo bom, acabou se tornando algo terrível. Não é porque tal Dashboard tem lugar para colocar mais um gráfico que você vai colocar.


Como podemos colocar em prática?


  • Elimine qualquer informação que impeça os usuários de entender as informações mais importantes;

  • Isso também significa DEIXAR ESPAÇOS EM BRANCO;

  • O espaço em branco ajuda os usuários a se concentrarem no realmente importa.

Veja o exemplo de como é fácil a leitura quando existe "espaços em branco".


Mantenha o foco


Tenha um propósito específico em seu Dashboard, como assim? Pense em um Dashboard que mostre quantos clientes a empresa conquistou no ano e que nessa mesma tela mostre quantas marmitas cada um comeu no mês. Não faz o menor sentido correto? Então o que não for sobre o assunto ou relacionado ao assunto deixe de fora porque só vai deixar seu Dashboard pesado.


Como podemos colocar em prática?


  • Refine suas ideias sobre os pontos principais que serão adicionados no Dashboard


Dê uma refinada nas suas ideias, será que isso é realmente necessário? Com certeza. Faça links com outros projetos que você já fez. Sempre tenha seus projetos por perto, sabe por que? Uma pessoa que faz trilha precisa levar com ela itens importantes caso aconteça algo no meio do caminho. Quando se trata de seu projeto é a mesma coisa, você precisa ter uma mochila cheia de itens (ideias) que vão te ajudar. Isso é uma questão sobre o que você carrega na sua “mochila de ideias", tanto de outros criadores mas principalmente as suas. Ficou sem ideia sobre que rumo tomar em seu projeto? Abra sua mochila, lá você vai encontrar meios de fugir do bloqueio criativo.


Escolha com inteligência


Por que devemos escolher com inteligência algo tão simples quanto gráficos e cores? Bom nem tudo é tão simples assim, vou citar apenas um exemplo que todos estão familiarizados. O gráfico de pizza por exemplo é bom ser evitado quando a precisão na comparação de valores for importante. Sem etiquetas, eles tendem a distorcer a verdade. Podemos por exemplo substituir ele por um gráfico de barras com uma etiqueta indicando o valor que resolveria nosso problema.


As cores são fundamentais e importantes principalmente na hora de mostrar se algo é bom ou ruim no Dashboard, por exemplo pontos negativos pode se usar vermelho e pontos positivos usar a cor verde mas podemos fazer uma adaptação por usar a cor azul e a cor amarela para ajudar as pessoas com daltonismo.


Como podemos colocar em prática?


  • Use gráficos corretos para mostrar os dados;

  • Use as cores de modo correto para transmitir a verdadeira ideia do que deve ser visualizado;


Use designs coerentes ao nicho


Na programação é muito comum reconhecer padrões correto? Da mesma forma funciona com Dashboards ou qualquer outro design. Que coisas você já usou em outro projeto que pode ser adaptado para esse? É exatamente nesse momento que usamos a nossa "mochila de ideias". É importante reconhecer padrões para acabar não colocando coisas que não fazem o menor sentido estar ali por conta do nicho. Por exemplo, você nunca vai ver a Coca-Cola usando um design igual ao da Riachuelo.


Tenha um bom senso e use cores e designs coerentes, não é porque a identidade de tal empresa é de uma cor que deve usar e abusar de uma única cor. Está em dúvida de como fazer? Faça um protótipo antes de iniciar o projeto oficialmente.


Veja esse exemplo, perceba como foi aplicado todos os pontos que vimos acima.

Antes mesmo de fazer um protótipo faça uma pesquisa de mercado e veja quais as tendências do nicho que está atendendo. Por exemplo para o ramo de internet eu fiz uma pesquisa e a maioria das empresas usa em seus Dashboards cores vivas e fortes (MAS SEM ABUSAR), podemos ver isso em como as identidades visuais delas são construídas, a TIM tem um azul vivo e forte, a VIVO tem um roxo vivo e forte. O ponto é, veja o que já está sendo feito e siga os mesmos padrões, use os que já existem como referência para criar o seu.


Inspirações


Por fim busque inspirações em todos os lugares. Dois sites que eu recomendo, Pinterest e Behance. São sites para se inspirar, ter ideias e colocar em prática. Fique à vontade para gerar criatividade. Outra dica que dou e que funciona comigo é observar as coisas em nossa volta, a natureza, as cores dela e escutar música. Não importa o meio que irá usar para obter criatividade, o importante é dar seu melhor no desenvolvimento de um Dashboard.



Conclusão


Seguindo esses passos podem ter certeza que o design de Dashboard vai melhorar. Tudo o que esse artigo abordou foi com base em pesquisa e por experiência própria, com o intuito de ajudar e ser ajudado, todos nós precisamos sempre aprender coisas novas e melhorar as habilidades que já temos.


A Coca-Cola não fez mágica apesar de ser a fábrica encantada. É muito mais que Design, é muito mais do que apenas um desenho é inteligência aplicada na prática.





Yuri Antonchuk Rodrigues

Designer Audiovisual Gráfico

Linkedin MentorsTec




263 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo